terça-feira, 26 de junho de 2012

Ninguém me Conhece: Aniversariantes do mês

Escrever é fácil... Pra quem sabe. Aliás, não, pra quem não sabe também não é lá assim tão difícil, desde que o teclarela tenha uma boa ideia e um mínimo de argumento. Agora, difícil é lidar com mecanismos que estão ao redor da escrita. Por exemplo: há quase dois anos trouxe meus trapos filosóficos, minha escova de mentes, meu pente de pentear ideias e mais outras tralhas pseudointelectuais pra este espaço que ora ocupo aqui, mas... MAS! Até hoje não sei bem como usá-lo. Na época de minha querida máquina de escrever, eu sabia mais que ela; mas agora, aqui, num espaço virtual onde as palavras são impressas em papel que não existe... Tsc tsc tsc...
Quero dizer que vivo mais perdido do que quem se acha. E tudo o que está aqui pra me auxiliar acaba mais me humilhando que auxiliando. Daí eu finjo que não é comigo, que nada daquilo existe, que não vai tirar meu sono... E um milhão de anos depois eu vou lá e descubro pra quê que a birosca serve, e me pego pensando, "Nossa, mas é tão simples!". Woody Allen, que não coincidentemente nasceu no mesmo dia que eu (vejam o que é o desvario do orgulho: nem sequer disse que eu nasci no mesmo dia que ele!), já dizia que "o computador veio pra resolver problemas que eu não tinha".

Taí uma grande verdade (embora eu não creia em grandes verdades)! Um cidadão que paga seus impostos... E um que não paga também! Enfim, um camarada qualquer perdendo mais que cinco minutos pra entender o intrincado de um breguete é de envergonhar qualquer um. Sem falar no tempo perdido. Agora, e quando você perde HORAS? Pra não dizer dias... Aí pode juntar o QI e o QE, que vai sair tudo pelo QU (quociente uretral)!

Afe, o que puseram em meu café? Na verdade vim aqui só pra dizer que, como tenho o costume de divulgar os textos do Ninguém me Conhece no dia de aniversário dos "dissecados", sejam eles (os textos) novos, seminovos ou usados, ficava pensando numa forma de deixar isso evidente diretamente na página do blog, mas nada me ocorria. Até que tresantonte me lembrei de que por aqui existe esse desinfeliz do gadget, e aí caiu a ficha: e por que não deixar que esse maluco ocupe o terraço da parte direita da página principal de meu blog, desde que seja pra fazer esse serviço de divulgação?

Assim que, graças a ele, inauguro neste mês de junho uma janelinha na tal da parte direita superior da página principal de meu blog da silva (ou melhor, nogueira) onde estará escrito sempre NINGUÉM ME CONHECE: ANIVERSARIANTES DO MÊS, e com um clique no nome dos indivíduos vocês irão à página do Ninguém me Conhece dos ditos cujos. Simples assim! Tão simples que nem parece que demorei dois anos pra bolá-lo.

Agora, se eu não quiser torrar suas preciosas paciências redivulgando textos antigos só porque os cabras estão cumprindo anos, eles lá estarão, à espera de oportuna visita de curiosos leitores. Espero que tenham entendido, porque eu, relendo, não entendi nada! Mas, como a pressa é amiga da refeição (e eu estou com fome), deixemos assim pra ver no que é que dá! E parabéns pros aniversariantes do mês!


4 comentários:

  1. Oi, Léo! Tudo bom, querido?
    Olha, não sei se é o cansaço ou o medo dessas neopalavrinhas (que, por sua vez, é um neologismo meu) como gadget, app e afins, mas não tinha entendido nada. Mas bastou dar uma olhadinha lá no alto da página e saquei tudo! :)
    Ótima ideia!
    Um beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha! Minha tática deu certo então.

      Beijão do
      Léo.

      Excluir
  2. sugoiiiii....
    muy buena idea....
    así supe que era el cumple de Gabriel...
    gracias

    ResponderExcluir